Nairo Sanches

Nairo Sanches (doador) e Dulce Arellano (paciente argentina)

Sou Nairo Sanches, gaúcho de Porto Alegre. Realizei o cadastro no REDOME em 2011 e em julho de 2013, recebi o primeiro telefonema do registro, informando que seria um possível doador compatível com uma pessoa que necessitava do transplante. A emoção que senti foi indescritível, pois sei que a possibilidade de encontrar um doador é remota. No dia 13 de janeiro de 2014, foi quando fiz o procedimento da doação.

Em Abril de 2016, fui informado pelo REDOME que poderia conhecer a pessoa receptora. O primeiro encontro aconteceu no dia 16 de junho, do mesmo ano. A emoção e o sentimento que experimentei, ao lado da minha família, naqueles dias foram indescritíveis.

A minha família conheceu toda a família da receptora Dulce, uma menina argentina. E o que mais nos deixou emocionados e impressionados foi o fato de Dulce ser uma menina de seis anos, tendo apenas poucos meses de diferença da idade de minha filha, que tem cinco anos.

Dulce e sua família são para nós, a extensão da nossa família. Tudo isso em nossas vidas, temos certeza, é uma obra de Deus. Após esses dois anos e meio do transplante da medula, me tornei uma nova pessoa, um novo pai, um novo homem!

Nairo Sanches
Doador do REDOME

Cadastro Newsletter:

Cadastre-se para receber periodicamente novidades sobre o REDOME.